Aparece outra empresa da família de Aécio Neves em paraíso fiscal que a Lava Jato não viu

Aparece outra empresa da família de Aécio Neves em paraíso fiscal que a Lava Jato não viu

Compartilhe

Em matéria da revista Piauí, documentos inéditos revelam outra empresa da família de Aécio Neves em paraíso fiscal.

A beneficiária é a própria mãe de Aécio, numa holding em Luxemburgo, desde 2018.

Além do elo com duas offshores já conhecidas da Lava Jato, sua mãe é beneficiária, no exterior, de uma terceira empresa, cujos ativos chegam perto de R$ 4 milhões, em Luxemburgo, paraíso fiscal europeu.

Ao contrário das outras duas offshores, sediadas em Liechtenstein e no Panamá, a empresa em Luxemburgo nunca apareceu nas apurações do Ministério Público Federal sobre Aécio, que vem sendo investigado por corrupção em um inquérito e responde a uma ação penal, também por corrupção.

Detalhe, não foi a Lava Jato de Moro, mesmo com seus braços fora do país, que descobriu isso. Os dados foram obtidos pelo jornal francês Le Monde e pelo do Organized Crime and Corruption Reporting Project (OCCRP), consórcio internacional de jornalismo investigativo.

O motivo da Lava Jato não descobrir nada de Aécio fora do país, a foto em destaque explica.

*Da redação

Compartilhe