Fachin pauta recurso se Lula que pede a suspeição de desembargadores do TRF-4, no caso só Sítio de Atibaia.

Fachin pauta recurso se Lula que pede a suspeição de desembargadores do TRF-4, no caso só Sítio de Atibaia.

Compartilhe

O ministro relator dos processos da Lava Jato no STF, Edson Fachin, pautou dois pedidos de habeas corpus da defesa dos ex-presidente Lula, que pedem a suspeição de dois desembargadores do TRF-4, Pedro Gebran Neto e Carlos Thompson Flores. Os dois pedidos se referem ao julgamento do caso do Sítio de Atibaia.

Ambos os pedidos serão julgados no plenário virtual da segunda turma do STF, o que confere boa chance de serem acatados. Os julgmentos ocorrerão nos dias 5 e 12 de março.

No pedido, a amizade íntima entre Gebran Neto e Sérgio Moro é questionada, já que poderia ter influenciado o voto do desembargador, uma vez que Moro o teria condenado.

No caso de Thompson Flores, o que chama a atenção é a forma excessivamente elogiosa a que o desembargador teria se referido ao ex-super-juiz.

Por fim, os advogados argumentam que houve uma “intensa mobilização” entre Moro, Thompson Flores e Gebran Neto “para impedir o restabelecimento da liberdade” do ex-presidente em 2018, quando o desembargador de plantão Rogério Favreto determinou a soltura de Lula, que estava preso em Curitiba.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *