72% dos brasileiros acham que a inflação vai aumentar, em 2021.

72% dos brasileiros acham que a inflação vai aumentar, em 2021.

Compartilhe

Com alimentos tendo o preço elevado em mais de 120% no atacado, como o caso do arroz, o resultado no varejo bateu direto no bolso do brasileiro da classe média para baixo, em especial, os mais pobres. O resultado da pesquisa Datafolha de dezembro, mostra o resultado da escalada absurda do preço dos alimentos, durante a pandemia.

Segundo o levantamento, 72% dos brasileiros acham que a inflação subirá, em 2021. O levantamento tem o pior resultado do governo Bolsonaro.

Os dados levantados pelo Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostram que os preços dos insumos básicos ao consumidor, como alimentos, se elevaram 70% em 2020, somente até outubro. O peso da elevação dos alimentos no Índice Geral de Preços (inflação), da FGV, foi de 25% na elevação, até o momento.

O péssimo resultado nos alimentos, que é quase totalidade dos custos das camadas mais pobres da sociedade, se deve ao fim dos estoques regulatórios do preços dos alimentos como arroz, feijão, milho, soja e outros. Com os estoques abandonados por Bolsonaro, o governo não tem como regular os preços dos alimentos, no país. Trata-se de uma decisão econômica do liberalismo radical de Paulo Guedes, já que Bolsonaro se diz ignorante em economia.

*Fonte: Folha de São Paulo

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *