O Sétimo Selo e a referência perdida em Star Wars, o mesmo ator volta a dialogar com a “morte” no episódio VII.

O Sétimo Selo e a referência perdida em Star Wars, o mesmo ator volta a dialogar com a “morte” no episódio VII.

Compartilhe

Em diversos posts e vídeos, fãs do cinema e especialmente da saga Star Wars listaram diversos casos do que chamaram de easter-eggs, mas, houve uma referência direta e importantíssima a um dos mais celebres filmes da história do cinema, o Sétimo Selo.

Para quem não percebeu, a primeira cena de Star Wars 7, mostra a tomada de uma vila, onde está uma espécie de ancião, em encontro com Poe Demeron, que é tido como o melhor piloto rebelde. Na cena, Poe se refere à Leia, como general e é repreendido pelo ancião, dizendo que Leia é da realeza.

O ator que faz esse personagem é o mesmo do Sétimo Selo, Max Von Sydow, que se apresenta como um velho e sábio guerreiro, bem ao estilo medieval. O Sétimo Selo é o diálogo entre um guerreiro medieval, retornando de uma cruzada, enquanto a Europa, 10 anos depois, totalmente devastada pela peste negra. O guerreiro em questão joga xadrez com a morte e em Star Wars, o ancião conversa com um Kylo Ren que, não por acaso, está vestido como um ceifador, ou a morte.

Há ainda, outros elementos que associam o personagem de Star Wars e o personagem do Sétimo Selo. O figurino, as expressões, o ambiente fúnebre e escuro e a forma como o personagem se reporta em sua fala, tanto quando conversa com Poe Demeron, quando dialoga novamente com a morte, na figura de Kylo Ren. Veja:

Cena de Star Wars em que o personagem do ator Max Von Sydow conversa com Kylo Ren, vestido como a morte.

 

Max Von Sydow em o Sétimo Selo. A morte ao fundo.

 

Max Von Sydow, dialogando com Kylo Ren

Trata-se de uma belíssima referência perdida em Star Wars e uma forma de mostrar o guerreiro do Sétimo Selo, finalmente morto, uma vez que no filme, o personagem medieval morre, mas, jamais aparece visivelmente morto.

Max Von Sydow faleceu em março deste ano (2020), bem no início da pandemia e a causa de sua morte não foi associada à Covid-19.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *