Bia Kicis propõe a “Lei Constantino” para endurecer com estupradores

Bia Kicis propõe a “Lei Constantino” para endurecer com estupradores

Compartilhe

Esmael Morais: A deputada bolsonarista Bia Kicis (PSL-DF) protocolou um Projeto de Lei que batizou de “Lei Constantino” que promete penas mais duras e castração química para estupradores.

A proposta é uma espécie de solidariedade ao jornalista Rodrigo Constantino que já perdeu vários empregos depois que ele disse que não denunciaria estupradores que abusassem de mulheres alcoolizadas ou drogadas, mesmo que a vítima fosse sua filha.

O jornalista da extrema-direita fez o comentário infeliz ao comentar o caso do estupro da modelo Mariana Ferrer.

Bia Kicis postou no Twitter a ideia do PL:  “A #LeiConstantino já tem número. É o PL 5112/20. 51- começa com uma boa idéia. Penas mais duras pra estupradores e castração química p/ os que quiserem liberdade, sem por em risco mulheres, meninos e meninas. Senta o dedo na hastag. @Rconstantino

O próprio Rodrigo Constantino lançou as bases da lei em um manifesto que fez para tentar provar que não defende estupradores.

O fato é que a fala inicial de Constantino culpa a vítima pelo estupro por que ela estava, digamos, “alterada”, sem condições de reagir. É a mentalidade de que o homem não precisa respeitar a mulher se ela não puder se defender. É a selvageria.

Compartilhe