REVIRAVOLTA NA BOLÍVIA: Candidato de Evo Morales pode vencer as eleições em 1º turno.

REVIRAVOLTA NA BOLÍVIA: Candidato de Evo Morales pode vencer as eleições em 1º turno.

Compartilhe

Luis Arce, candidato do Movimento ao Socialismo (MAS), o partido de Evo Morales, tem apoio suficiente dos votantes para frear as tentativas de mudanças políticas e sociais que estão em andamento na Bolívia desde que o ex-presidente foi derrubado, em novembro. A menos de um mês para as eleições de 18 de outubro, as pesquisas que têm maior credibilidade entre os rivais do MAS estimam que Arce cumpre os dois requisitos para ser eleito sem necessidade de segundo turno: tem mais de 40% das intenções de voto e supera o segundo colocado, o ex-presidente Carlos Mesa, por mais de dez pontos percentuais. Mesa aparece na última pesquisa —que mostra, melhor que as anteriores, o clima nas áreas rurais— com 26% de apoio.

Um dos líderes políticos antievistas levou imediatamente em consideração as implicações dessa medição. Um dia depois da divulgação desses dados, em 17 de setembro, a presidenta interina do país, Jeanine Áñez, renunciou à sua candidatura para que “o voto democrático não seja dividido entre vários candidatos e, em decorrência dessa divisão, o MAS acabe ganhando a eleição”. Na pesquisa, Áñez apareceu em quarto lugar e foi uma das personalidades políticas mais rejeitadas pela população, após a aceleração de seu desgaste devido à gestão dos serviços de saúde e da economia durante a pandemia.

(…) El País

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *