Falta de competência faz Bolsonaro desistir do Renda Brasil.

Falta de competência faz Bolsonaro desistir do Renda Brasil.

Compartilhe

Sem saber o que fazer, por que não a menor noção do que é economia, Bolsonaro ficou nas mãos de uma equipe caolha e obtusa. Pessoas que chegaram ao ministério da economia por que se aproximaram de um ignorante, em especial Paulo Guedes, oriundas do mercado financeiro, que não têm compreensão do que realmente é o Brasil e que conhecem apenas o mundo pela janela do prédio do banco em que sempre trabalharam, entregam ao país um trabalho sem criatividade e soluções novas.

Bolsonaro, mesmo que quisesse apenas angariar votos para se reeleger, poderia ter melhorado a vida de milhões de brasileiros, se esses “cabeças de planilha” tivessem o mínimo de competência. O “Renda Brasil” daria uma entrada de mais de 40 bilhões no mercado interno e teria poder de contribuir para o reaquecimento da economia.

Na outra ponta, um presidente que diz que o livro didático é um amontoado de coisas escritas, não teria força intelectual suficiente para bancar uma mudança no “peito e na raça”. Bolsonaro não passa de um energúmeno no poder, uma pessoa que pode, no máximo, discutir política no boteco, depois de tomar muitas doses de cachaça. Aliás, tem muito bêbado por aí, com muito mais propriedade para falar do Brasil profundo, que a “rasidão” mental de um Bolsonaro.

Quedes que só entende de reduzir a responsabilidade do estado com os mais pobres, Bolsonaro que relincha ao falar e uma turba de acéfalos que orbitam o Planalto, não poderia resultar em coisa diferente. Por raiva e ódio, estão todos proibidos de falar em “Renda Brasil. Pronto pro Lula, que teve a competência de criar e levar o “Bolsa Família” a frente.

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *