Celeste Silveira

Produtora Cultural, Pesquisadora, Revisora de textos, Parecerista de projetos culturais e editora do blog parceiro Antropofagista.

Um comentário em “Collor prenuncia a queda de Bolsonaro

  • 21/09/2019 em 07:57
    Permalink

    O Collor sentiu isso na pele!!!
    No atual estágio Presidencialista Brasileiro são os arranjos que a “política se dá no Legislativo”, onde as ingerências no cenário político e econômico vem pelas coalizações partidárias que orbitam o Poder.
    O “dá que se recebe são os quês” garante a governabilidade de governos sem as legitimidades vinda de bases sociais. Os governos de FHC e Temer nos dão parâmetros para essa observação, em que, meios de tantas crises políticas e turbulências econômicas conseguiu implantar com sucessos partes de suas agendas neoliberais e terminar seus mandatos, mesmo com baixíssimos índices de aprovações populares.
    Existe a outra opção que vem pelas bases sociais políticas e da representatividades das ruas, onde a grande maioria da população dão suportes mais estáveis que esse modelo de coalizações partidárias.
    Não é simplesmente das urnas pós processo eleitoral que o sistema se estabiliza. Qual podemos citar o governo do Lula, onde o Congresso várias vezes tentou, mas não conseguiu, o Mensalão foi uma das várias maneiras, mas não conseguiu
    Diferentemente da Dilma que não conseguiu a tal coalização, onde Cunha, Aécio Neves a grande maioria dos congressistas a sabotaram. Muito disso se deve que a Dilma não ter cedido o afrouxamento de processos investigatórios que pesavam e continuam a pesar “contra essa” gente e, mais ainda perdeu completamente os apoios políticos socais, onde os programas socais foram sendo suprimidos pelos processos de privatizações da agenda neoliberal petistas.
    Entretanto cabe aqui priorizar que a sua queda se deu no esvaziamento da legitimidade que vem das ruas, onde a população perde espaços de cidadanias e começa a sentir a crise econômica, a medida que, começa a sentir no bolso essa agenda neoliberal petista. Onde tudo no espaço público começa ser privado e pago.
    Os exemplos de dois fenômenos mais simples de observação que podemos citar aqui que são:
    Os estacionamentos nas grandes cidades, a medida que, os espaços particulares (casas residenciais sendo jogadas abaixo) a cobrar estacionamentos, isso se deve diante de um transporte de massa deficitário e que a cada se aumenta esse déficit, para que grupos ligados a esse setor ganhe muita grana (petróleo e empresas de ônibus).
    A expansão desordenadas dos shoppings que visão a concentração de lojas, que antes eram nas ruas dos bairros das grandes cidades. Devido a isso os alugueis que antes iam para uma classe endinheirada da classe média, e o possível lucro que essas lojas geram, agora vão para grandes tubarões do capital internacional via rentismo, além do quê, o encarecimento das mercadorias, e para piorar esse quadro, temos o endividamento desses “novos burguzinhos”.
    A questão do BOZO é mais complicada de análise, devido os “rentistas” estarem dando suporte enquanto o DESgoverno do BOZO em liquidar o ESPAÇO do Estado Brasileiro na Sociedade Brasileira.
    Mas é preciso relativizar com as questões que mesmo aos economistas mais ortodoxos saberem que numa economia que se desacelera, só o Estado tem condições de reparcelar-la.
    Quando a economia está a pelo emprego os recursos da iniciativa privada estão ocupados na produção, ou seja, não tem espaço de produzir mais, então as “obras públicas e ações sociais” começam ficar caras e superfaturadas. Entretanto numa economia que se desacelera e dá sinais de recessão a iniciativa privada ganha espaço para produzir, daí a presença do estado ser FUNDAMENTAL ao modo de produção capitalista e essa ficha ainda não caiu para o DESgoverno do BOZO.
    A ampulheta econômica está virada e começou os grãos de areias correr e sem grana não rentismo, agora quanto tempo ainda esses rentistas vão apostar no BOZO não sei.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: