QUANDO FALAMOS DE LULA, O BRASIL DOS TRABALHADORES E HUMILDES, SORRI…

A permanência de Lula cada vez mais fortalecida no cenário nacional, desespera a elite golpista, e imprime de forma violenta uma dinâmica reacionária, que mediocriza toda uma estrutura sistêmica diluída em roubos, conspirações, mentiras e idiossincrasias.


Lula é, queiram ou não, o grande e único vencedor de toda essa movimentação doentia e sem caráter, de um bando de fascistas que aliados, começaram uma guerra doentia e desigual, e agora, apavorados, constatam que foram derrotados por uma única liderança, milhões de vezes maior que eles… os idiotas, esqueceram do “detalhe” da força do povo. Quem tem o povo, tem a nação. Lula tem a nação, queiram ou não os conservadores fascistas.

Lula é um líder inato. Queiram ou não seus inimigos, é um homem superior, desses que se eternizam pelo exemplo, e pela proximidade inconteste com o povo. Ele impõe na prática, o seu raciocínio de igualdade social, de evolução dos menos favorecidos, em contraposição ao conforto coronelista de uma grande minoria. Lula é um líder que deseja o bem, para um povo, sobejamente bom.

Todo essa mobilização contra Lula, somente o engrandece, apequenando e ridicularizando os empoderados supremos Todo esse desespero, desnuda a podridão dos poderes e seus conluios. Dos maus políticos – alguns verdadeiros bandidos -, e suas fétidas intenções. O mercado exige lucros imediatos, e com isso pressiona seus lacaios. Os jornalistas independentes, são expurgados, excluídos, e cria-se o objetivo, a partir de jornalistas vendidos, de criminalizar a esquerda, com a perseguição paranoica a seus líderes. A Globo transforma-se unicamente numa fonte de aniquilação racional de quem lhe assiste, propiciando-lhes visões parciais e claramente hediondas e capciosas. Um projeto mambembe caricato, onde busca-se criar um ambiente de debates “democráticos”, que logo caem ao chão, pela inexistência de um outro lado, que é o da liberdade plural e o do contraditório.

Lula, é o cara. Lula precisa ser protegido, blindado. Lula é o que nos resta de bom e justo. Lula, nesse momento, supera toda a conjuntura golpista de um país, inibindo os Moros da vida, os Janot, o STF, habitat de ministros prolixos, sem amor á pátria e sem qualquer compromisso com a justiça. Os marginais promíscuos do legislativo, que longe estão de serem denominados políticos. Lula outorga a eles, um febril e contínuo sofrimento. Lula cresce à medida em que a perseguição sórdida, que se desencadeia contra ele,  ganha mais visibilidade popular.

Cabe-nos cuidar dessa preciosidade rara, dessa liderança inata, dessa figura ímpar e ainda lúcida, combativa e viva!
Lula não é apenas o cara, Lula nos representa, faz-nos sentir inseridos no cerne do contexto. Faz-nos Brasil!

A reputação é a mola propulsora do poder. Lula mantém a sua, inexpugnável, mesmo sendo atacado por todos os lados. Mas ele, com seu caráter e liderança, frustra esses ataques potencializados. Frustra-os. Enquanto isso, macera os seus inimigos, implodindo suas reputações. Depois, de forma simples, se afasta, e deixa a opinião pública, o povo, acabar com eles.

Quando falamos de Lula, não estamos falando de algo qualquer. Sua ausência se faz sentida no poder desse país hoje, acéfalo, governado pela insensatez de um usurpador traidor. Lula tem o dom de fazer com que o povo o deseje, e o povo, exige sua volta.

 

Leia Também:   PSDB EM GUERRA: Convenção do PSDB-SP foi dominado por "Fora, Aécio".

Josemir Tadeu

Professor de Biologia e Química. Cantor, compositor e escritor. Vencedor de diversos prêmios de música popular brasileira.

Um comentário em “QUANDO FALAMOS DE LULA, O BRASIL DOS TRABALHADORES E HUMILDES, SORRI…

  • 13 de novembro de 2016 em 18:35
    Permalink

    Sou um cidadão que ainda acredita no Brasil, que repudia todo e qualquer tipo de crime de toda e qualquer natureza.
    Estamos passando por um momento muito perigoso e crucial, pois decisões e escândalos andam lado a lado, uma operação de combate à corrupção atua nas a meu ver de forma parcial, já que historicamente os detentores do poder social e econômico principalmente sempre esteve nas mãos da “elite branca”, os mesmos que estão no poder em quase todo o país mas não se vê ou pelo menos a mídia não divulga nada sobre veementes acusações aos tais. Fundo com a esperança de um país que seja realmente BRASIL, UM PAÍS DE TODOS.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + quatro =

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com